Os Crimes de ódio

O Observatório do Discurso de Ódio, no mês de julho, focará os crimes de ódio. Pretendemos mostrar a nossa solidariedade com todas as vítimas de crimes de ódio. O Movimento contra o discurso de ódio está a preparar iniciativas importantes para fazer de 22 de julho um Dia Europeu de Solidariedade com as Vítimas de Crimes de Ódio.

Para destacar esta causa, convidamo-los a reportar todo o discurso de ódio que achem poder levar ao crime de ódio.


O Crime de Ódio é mais do que um crime individual; é um delito que atenta à dignidade humana e prejudica toda a sociedade e as relações fraternais que nela deveriam prevalecer. Ele produz efeito não apenas nas vítimas, mas em todo o grupo a que elas pertencem. Assim sendo, podemos classificá-lo como um crime coletivo de extrema gravidade.


Algumas vezes, pode ser difícil reconhecer este tipo de violência; ela pode manifestar-se através de agressões explícitas ou através de discriminação discreta. É válido lembrar que todas as formas de desrespeito e abuso, sejam elas sutis ou evidentes, devem ser denunciadas. A denúncia não é apenas um direito dos cidadãos, é também um dever. Denunciar um crime de ódio não ajuda apenas a vítima, mas toda a sociedade e aqueles que poderiam ser agredidos caso tais crimes continuassem impunes.


Os Crimes de Ódio podem acontecer em todos os lugares e nas mais variadas situações. As suas expressões mais comuns são as agressões físicas, assassinatos, torturas, danos à propriedade da vítima, ameaças, intimidação de todos os tipos, comentários preconceituosos, insultos verbais referentes ao grupo a que a vítima pertence, bullying, tratamento diferenciado, imposição de salários mais baixos, desprezo pela forma estética da vítima, perseguição, etc. Ocorrências deste tipo de violência são comuns e, além de atentarem contra a valorização da diversidade social, também afetam de maneira grave as relações sociais.

É comum as vítimas entrarem em depressão, sentirem-se desvalorizadas e vulneráveis. Muitas vezes, esse sentimento é espalhado a todo o grupo que sofre o preconceito, gerando um forte mal-estar coletivo.

Voltar

Eventos

#odionao

no Twitter

Não ao discurso de ódio

no Facebook

O Movimento Contra o Discurso de Ódio é coordenado em Portugal pelo Instituto Português do Desporto e Juventude, I.P.
Desenvolvido por Instituto Português do Desporto e Juventude, I.P., 2013.
Termos de Utilização e Condições de uso e privacidade | Contatos

IPDJ MEC DGE ACM, I.P. Amnistia Internacional APAV Bué Fixe CDP CIG CNJ FNAJ ILGA Internet Segura Jovens para a Igualdade PAR REA SOS Racismo Associação Nacional de Professores Associação Portuguesa de Ética e Filosofia Prática Associação Tudo Vai Melhorar Câmara Municipal de Cascais – Juventude Comissão Nacional da UNESCO Juventude Cruz Vermelha Portuguesa – Lisboa e Braga Dínamo – Associação de Dinamização Sócio-Cultural Fundação Calouste Gulbenkian MOVIJOVEM No Bully Portugal Procuradoria Geral da República – Gabinete de Cibercrime Rota Jovem – Associação Juvenil Teatro Umano
LTO YOUTH COE